A CERIMÔNIA DO AMOR

Esse título foi dado pela mãe do noivo. Ele brasileiro. Ela sérvia. Conheceram-se em San Diego, EUA. Casaram no Brasil no Solar real em Santa Tereza. Na minha primeira conversa com os noivos eles não estavam muito seguros de uma cerimônia “religiosa de casamento”.  Mas com o tempo amadureceram a ideia e a cerimônia aconteceu. E sobre ela escreve a mãe do noivo:

“Em nome de toda a nossa família, gostaria de agradecer e parabeniza-lo
Pela belíssima cerimônia. Realmente, com leveza e profundidade, o senhor conseguiu tocar a todos.
A sua MENSAGEM sobre a nossa Universalidade foi marcante.” Não devemos construir muros para nos separar”! MARCELO e Milana  estavam radiantes. Conseguimos!
O senhor bem se lembra da dificuldade em “convence-los  ” de que a
BÊNCAO , com a cerimônia eclesiástica seria o momento mais marcante. Ficaram extasiados com as figuras de linguagem e a sua percepção da diversidade em suas vidas! A alegria deles estava contagiante! Recebi diversas msgs , além de comentários elogiosos a sua cerimônia e a sua simpatia. “A cerimônia do Amor”. ” a única coisa que vale a pena nesta vida” Sim , pastor , somente através deste “Amor”, fazemos concessões e buscamos equilíbrio em nossas relações. Cerimônia magnífica! Muito obrigada. Que o senhor também tenha muitas bênçãos  junto a sua família.”

Só o amor ultrapassa todas as fronteiras. Não nos apaixonamos por nacionalidades e sim por seres humanos.

Pastor Luiz Longuini Neto